O teatro é algo sagrado

Muitos dizem que ser ator é uma profissão como outra qualquer, mas na minha opinião o teatro é muito mais do que isto é praticamente uma religião. A representação teatral surgiu nos rituais de exaltação ao Deus Dionísio.

Não podemos comparar a rotina de trabalho de um contador com a de um ator. Nos dois casos há muito preparo, estudo e dedicação, no entanto assim como os templos religiosos o teatro é uma forma de ritual, um lugar aonde as pessoas vão para aprender algo sobre o ser humano.

Os padres e pastores se desdobram para interpretar a bíblia aos fieis da igreja, seja pela comedia ou pelo drama, no intuito de manter a atenção dos discípulos e transmitir a mensagem da forma mais clara possível.

Já ouvi também relatos de peças que enquanto alguém do grupo não foi pedir “licença” para determinada entidade em um centro espírita a peça não vingou. Parecia até que a personagem, fruto da imaginação do autor, existia e estava exigindo mais respeito à sua imagem.

Apesar de hoje em dia as empresas tentarem conciliar lucro com responsabilidade social, o trabalho em uma sociedade capitalista como a nossa tem como objetivo principal o lucro, claro que nós trabalhadores das artes precisamos de dinheiro; ser ator é uma profissão, mas não como outra QUALQUER.

Deixe seu comentário


Código de segurança
Atualizar