Foi Shakespeare uma farsa?

Shakespeare

A obra de William Shakespeare é considerada um marco na literatura mundial. A importância dos sonetos e peças de teatro do poeta de Stratford-Upon-Avon pode ser vista até mesmo na língua inglesa, que foi unificada pela obra de Shakespeare.

Contudo, uma pergunta fica no ar: quem foi William Shakespeare?

Durante séculos, muitos questionaram a real identidade do dramaturgo inglês. Há diversas teorias, como a de que Shakespeare foi uma espécie de "laranja" para um ou mais autores nobres que não podiam se identificar e até mesmo a teoria de que Shakespeare nunca existiu (ou pelo menos esse não era o seu nome).

A teoria é levada a sério por muitas pessoas. Em 1853, uma mulher de New England, chamada Delia Bacon, foi ao cemitério durante a noite, levando uma pá, com o objetivo de cavar o túmulo de Shakespeare para provar que não havia nada lá. No entanto, ela foi presa antes de conseguir cumprir sua missão.

Falando no túmulo do poeta, lá existe uma mensagem curiosa, para não dizer suspeita:

 

Livra-te, meu amigo, pelo amor de Jesus, De remexer na poeira encerrada aqui, Bendito seja o que evitar estas pedras, E Maldito o que incomodar os meus ossos

 

Qual seria a razão para gravar essa maldição na tumba do autor? Talvez nunca saibamos, porém, essa mensagem é usada como mais uma evidência pelos adeptos da teoria da farsa.

Dentre as várias evidências que levam muitas pessoas a crer na farsa de Shakespeare, algumas podem até fazer sentido:

  • Ele passou pouco tempo na escola
  • Demonstrava um conhecimento geográfico e histórico muito amplo para uma pessoa com pouca escolaridade e que nunca saiu na Inglaterra.
  • Não há registros sobre a vida do autor, nenhum documento, nenhuma menção "importante" em livros ou registros históricos.

Talvez muitos podem dizer: a quem importa se Shakespeare é uma farsa? O importante é que alguém escreveu toda aquela obra e hoje podemos nos regojizar com seus textos.

Pode ser verdade, porém, imaginem toda a história por trás disso (caso realmente o autor seja uma fraude), imaginem tudo o que poderia vir a tona, todas as razões políticas e sociais por traz da farsa?

Recentemente foi lançado um filme (Anônimo), falando sobre essa teoria. Contudo, vamos combinar algo: não levem esse filme muito a sério, ele não possui embasamento.

Façamos assim: usem os comentários abaixo e deixem suas opiniões e idéias sobre esse caso.

 

Comentários   

+18 #2 Clara Verçosa 27-01-2014 11:40
Antigamente, muitas pessoas aprendiam coisas por conhecer pessoas que tinham muito conhecimento sobre determinados assuntos, creio que pelo fato de ele não ter frequentado muito a escola não seria possível comprovar que ele era incapaz de conseguir tais conhecimentos. Só porquê não há muitos relatos sobre o autor não quer dizer que o mesmo não venha a ter existido. A teoria da farsa não deixa de ser válida, na minha opinião, mas alguns argumentos são um pouco falhos.
Citar
-28 #1 nathalia bernardo 29-09-2013 22:19
nos temos uma oficina de teatro em taciba eu to estudano mas sobre o teatro
Citar

Deixe seu comentário


Código de segurança
Atualizar